Reunião de organização do ato Copa pra Quem? dia 06/11 as 18h

 Desde que o Brasil foi anunciado sede da Copa do Mundo de 2014, diversos impactos tem sido sentidos pela população. Em vez de ser motivo de celebração do esporte mais popular do país e melhoria na vida das pessoas da cidade, a preparação para este megaevento tem sido utilizada para aumentar, acelerar, e intensificar violações de direitos humanos: Remoções forçadas de milhares de pessoas de suas casas sem alternativa de moradia digna para dar lugar a obras viárias, expulsão da população em situação de rua do centro da cidade num claro processo de limpeza social, precarização dos direitos e condições de trabalho daqueles que constróem as obras, perseguição aos trabalhadores ambulantes, impedidos de trabalhar, militarização da cidade com diversas operações policiais que tem como alvo criminalizar, reprimir e exterminar a própria população – especialmente pobres, negros e periféricos, e os movimentos sociais – além da aplicação de mais de 30 bilhões de reais – dinheiro público – em obras para um evento que será acessível a poucos e que tanta falta faz na saúde, educação, moradia, transporte e no próprio esporte…

Pensando nesses impactos e na possibilidade de organização popular para resistir e fazer o contraponto a este processo, e entendendo que o futebol é do povo e não de cartolas, entidades privadas como a FIFA, corporações como a Coca Cola, governos ou empreiteiras,

 

O Comitê Popular da Copa SP

– grupo aberto de articulação e resistência contra impactos e violações de direitos humanos da Copa do Mundo de 2014 em SP –

convida movimentos sociais, organizações e entidades de defesa dos direitos humanos, coletivos autônomos, artistas, jornalistas, estudantes, pesquisadores/as e trabalhadores/as em geral para que se somem à organização de um grande ato

dia 1º de dezembro, data do sorteio das chaves da

Copa das Confederações da FIFA em SP,

com concentração a partir das 13h

em frente à Ocupação da Rua Mauá,

quando perguntaremos aos governos responsáveis por essa situação, afinal,

COPA PRA QUEM?”

 

As reuniões para organização do ato são abertas e tem acontecido

às terças feiras na Rua Mauá, n.340. A próxima reunião será esta terça-feira dia 06/11 as 18h.

Contato: comitepopulardacopasp@gmail.com

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s